ela, e não eu, sabe o que diz.

“Eu te digo: estou tentando captar a quarta dimensão do instante-já que de tão fugidio não é mais por que agora tornou-se um novo instante-já que também não é mais. Cada cisa possum um instante em que ela é. Quero apossar-me do é da coisa.” (Água Viva, de Clarice Lispector)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s