não significa nada.

e o tempo que passou e esqueceu de avisar? nem gritou, nem buzinou e nem deu sinal de fogo. veio, chegou e, quando dei por mim, levou toda a vontade, a intimidade e um pouco de lembranças. deixou apenas um vazio, uma saudade sem fim. poesia sem ponto final; não deixou foi nada. se tivesse deixado, teria com o que me vangloriar. e ai é o sono. cansei das palavras mal ditas e da imposição da distância.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s