Arquivo da tag: play

the shins, mais uma vez.

não é de hoje que falo de the shins. e é nesse clima que aqui vai o novo clipe deles, da música simple song. merece o post.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Criolo Doido;

Já faz um tempo que ouço falar do Criolo – um rapper nada convencional. Me disseram que as idéias dele eram muito boas, que as rimas eram excelentes e que ele era “o cara”. Nessa mesma época ele e o Emicida receberam um monte de prêmios no VMB (em que os vencedores foram escolhidos por um jurí de respeito) e o Chico Buarque adaptou a sua música Cálice e, trocando um verso por uma versão do Criolo. Hoje, enquanto escutava MC Marechal no youtube, dei de cara com o vídeo da entrevista do Criolo para a Marília Gabriela feita dia 19 de Janeiro de 2012. A minha impressão? Ele é O cara. Gosto da forma que ele fala, das suas opiniões, das rimas e da sinceridade. Confiram!

E ah! O disco dele está disponível para download no próprio site do cara. Não deixem de baixar!

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

eu tenho tido a alegria como dom;

sempre gostei do som da Mallu Magalhães de alguma forma. ok, o som dela já foi beeeem chatinho assim como ela e ainda tem aquela velha discussão sobre pedofilia mas, como insistem em dizer que eu me parecia com ela, fui sem preconceitos ouvir o disco novo. e mais! não só ouvi como recomendo. a menina tá linda, morena, magra e afinada, sem falar nas letras deliciosas, como se fosse um los hermanos de saia. <3 divirtam-se!

ah, e essa letra? é tipo eu assim: (mais) velha e louca <3

Velha e Louca

Pode falar que eu não ligo,
Agora, amigo,
Eu tô em outra,
Eu tô ficando velha,
Eu tô ficando louca.

Pode avisar qu’eu não vou,
Oh oh oh…
Eu tô na estrada,
Eu nunca sei da hora,
Eu nunca sei de nada.

Nem vem tirar
Meu riso frouxo com algum conselho
Que hoje eu passei batom vermelho,
Eu tenho tido a alegria como dom
Em cada canto eu vejo o lado bom.

Pode falar qu’eu nem ligo,
Agora eu sigo
O meu nariz,
Respiro fundo e canto
Mesmo que um tanto rouca.

Pode falar, não importa
O que eu tenho de torta,
Eu tenho de feliz,
Eu vou cambaleando
De perna bamba e solta.

Nem vem tirar
Meu riso frouxo com algum conselho
Que hoje eu passei batom vermelho,
Eu tenho tido a alegria como dom
Em cada canto eu vejo o lado bom.

Nem vem tirar
Meu riso frouxo com algum conselho
Que hoje eu passei batom vermelho,
Eu tenho tido a alegria como dom
Em cada canto eu vejo o lado bom.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

how ever close we get sometimes it’s like we never met;

wilco e feist! <3

uma boa semana – corrida – , umas das últimas do ano, para todos!

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Girl from Ipanema;

Amy se foi, mas deixou por aí um disco novo, o Lioness: Hidden Treasures. Cada música que aparece fora de época me faz pensar o quanto ela vai fazer falta no meio musical e a sua genialidade: que voz é essa? É nesse clima que ontem saiu a versão de Girl from Ipanema, de Tom Jobim, dela e me deixou ainda mais satisfeita. A música atemporal ficou com cara de coisa nova, pão saído do forno, e a vontade que dá é de sair por aí dançando. Bom, o lançamento é entre os dias 2 e 5 de dezembro e eu não vejo a hora de ouví-lo na íntegra.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Domingo:

O meu domingo está assim, ó:

“O meu coração bate sem saber
Que meu peito é uma porta que ninguém vai atender” 
(Arnaldo Antunes)

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

so let’s go;

Mesmo com a correria do dia a dia e sem tempo até mesmo para responder e-mails importantes, diga-se de passagem, preciso passar pelos cantos de cá e deixar claro que está tudo bem e que não tem nada no mundo melhor do que comer um cheddar ao volante, tomar um vinho branco espanhol com as amigas em um domingo a noite, receber um sms surpresa e inesperado ou tocar uma música e ver a pista inteira pulando. :)

Ps. E momento autopromoção? Hoje eu saí no Ameixa Japonesa e no Velvet Club e amei! <3 Obrigada, meninas! E sábado tem mais festa!

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized